Família Real

31.03.14

Daquelas fotos que dispensam legenda:

Captura de Tela 2014-03-30 às 23.06.45

– Para inspirar esse começo de semana!

postado por: Fernanda Dias

Lanchinho Saudável

28.03.14

Depois de uma temporada de férias, nossa parceira Júlia Beux está de volta com textos, dicas e informações sobre nutrição e vida saudável.E ela vem cheia de novidades!

Hola Chicas!

Fazia um tempinho que estava sumida, mas agora estou de volta e com mais posts pra vocês daqui pra frente e quero relembrar pra quem tiver sugestões e/ou dúvidas que gostaria que eu respondesse, por favor, coloque nos comentários.
Pensando em voltar, pensei em um assunto que grande parte das pessoas tem dificuldade, tanto sobre o real benefício, quanto à quantidade que podem ser consumidas: AS OLEAGINOSAS.

As mais conhecidas são as nozes, castanhas-do-pará (ou castanha do Brasil), castanha de caju, amêndoas, pistache e o amendoim. Sabe-se que elas são ricas em gorduras, mas podemos classificá-las como “gorduras boas”, pois auxiliam na redução do colesterol ruim (LDL) e aumentam o bom (HDL), reduzem os processos inflamatórios e podem até auxiliar na diminuição de gordura abdominal. Além de conterem proteínas, vitamina E, uma variedade de minerais como selênio, zinco, magnésio, entre outros.

Não há uma recomendação específica, mas a dose recomendada na maioria dos estudos é de 50-60g de oleaginosas por dia e podem ser consumidas entre as refeições como um lanche, por exemplo. Obs: importante ressaltar que cada pessoa tem uma necessidade, portanto consulte um profissional capacitado para saber a quantidade correta pra você.

Mais uma novidade para vocês é nossa parceria com a Empório Faz Bem (localizada na Rua Marechal Deodoro 83-D, bem no centro de Chapecó) onde vocês encontram produtos naturais variados e o mais legal o KIT DE OLEAGINOSAS prontinho pra você carregar na bolsa, pronto pro seu lanche!

faz bem

E conseguimos um desconto de 5% para as leitoras do blog, mas tem que falar que viu o post aqui, ok?

JÚLIA

postado por: Chicas

Da terrinha: BooKafé

28.03.14

Postei uma foto no meu IG pessoal – @fekadias – na semana passada de um almoço árabe e percebi que muita gente não sabia dessa opção aqui na terrinha.

O BooKafé oferece a melhor comida árabe da cidade, acompanhada das melhoras limonadas e sodas italianas!

Uma comida super saudável e saborosa em um ambiente familiar super agradável.

foto 1

Encontrei a fanpage deles e achei muito bacana a história das franquias:

“A abertura de muitas unidades de BooKafé em diversos lugares (300 até abril de 2013) se deve a isso. Dezenas de cristãos que foram ajudados pela revelação da palavra de Deus se dispõem para que, através de um ambiente informal, que fica aberto durante todo o dia oferecendo também diversos tipos de alimentos, atraia a muitos que ainda não conhecem o plano de Deus para desfrutarem do verdadeiro alimento, que é a palavra de Deus. Neste ambiente saudável, também há espaços reservados para oração, cursos bíblicos, leituras coletivas voltadas para a ajuda espiritual de seus visitantes.

Portanto, através de um ambiente agradável, esse projeto visa alcançar as famílias, cristãs e não cristãs, para que elas possam, além de saborear um delicioso café, serem introduzidas na fé pela palavra de Deus contida nos “books”.

Radar Chica me Tipo: Não deixe de provar a limonada suiça com romã. Na saída peça se tem a “bala na palha” e leve para casa um pacote!

– Perfeito para um almoço de sábado entre familiares e amigos.

BooKafé
Avenida Fernando Machado, 80-E.

postado por: Fernanda Dias

Sobre o Ballet Clássico

27.03.14

Quem me conhece sabe que sou apaixonada por dança. Sempre gostei de dançar e de manter meu corpo em constante movimento. Me mantém equilibrada e feliz. Porém, há apenas 4 anos a dança faz oficialmente parte da minha rotina semanal. São 4 horas todas as semana, dedicadas à arte de dançar, e 3 dessas horas são dedicadas ao Ballet Clássico, modalidade pela qual me apaixonei somente depois de adulta. E muitas pessoas me questionam como essa paixão surgiu só na vida adulta, como é possível subir em uma sapatilha de pontas depois dos 20 anos pela primeira vez e ainda existe aquela ideia de que para se dançar Ballet Clássico, a gente tem que ter feito Ballet desde criança.

Então, convidei minha professora Vanessa Batistello Broglio, para falar um pouco dos benefícios que essa arte traz para seus praticantes na vida adulta também:

audrey ballet

audrey

Toda a arte, tem um momento que não conseguimos explicar com palavras, pois movimentos, sentimentos, experimentações, falam por si próprios. Quando falo sobre a arte do Ballet Clássico, nunca vou conseguir explicar todos os benefícios que ele oferece. Falar em postura, alongamento, tônus muscular, alinhamento postural, coordenação motora, equilíbrio, é fácil. Fácil de explicar e fácil de entender. Esses benefícios aparecem rapidamente e de maneira muito eficiente aos praticantes de Ballet Clássico. O corpo muda, o cognitivo fica mais rápido, a postura melhora….
A parte difícil de entender é a transformação que ocorre com o ser humano, com o encontro entre bem-estar e atividade física. Tirar uma horinha para si mesmo, se permitir, acreditar que vai conseguir, ouvir música clássica, dar o melhor de si, compartilhar dificuldades. Tudo isso, unido ao desprendimento do pré conceito de que Ballet Clássico é só para crianças magrinhas, resulta em uma imensa satisfação e felicidade aos adultos que se permitem iniciar suas aulas de Ballet Clássico em qualquer idade, com qualquer peso, qualquer altura, qualquer “cada qual”.

E eu concordo em gênero, número e grau com a Vanessa na parte dos benefícios além do corpo. É um tempo que tenho para mim mesma e por ser uma aula “silenciosa” apesar da música, é aquele momento de calma e concentração que me põe no eixo, no meio da correria da semana.

vb

**Vanessa Batistello Broglio é proprietária da Vanessa Batistello – Escola de Dança , onde ensina Ballet Clássico para crianças, adolescentes, adultos, magrinhos, gordinhos, baixinhos, altinhos…

postado por: Mariana Frigeri

À luz de velas

27.03.14

– Que as velas trazem charme e aconchego para o ambiente não é novidade!

Mas selecionei algumas formas originais para incorporar a luz das velas:

12f37b8897669e1e20683ec852904445

66e6e2dca45c72e1199ea42dbc72a117

1fb01059419fd2b596e59dbf68ff294e

5bfb7f1313a0a03f8ba99b874e08b58f

55262a6dcc65dafea1c09bcd0cde29e4

a650d9b174da24a69866de4285384e43

edacd32b55191abb7316e5de523335c5

Radar Chica me Tipo: Para um jantar, espalhe velas acesas por diferentes cantos da casa. Elas deixam tudo mais especial!

postado por: Fernanda Dias